JazzLogical 23 Novembro 2020

 

Com o Estado de Emergência de novo em vigor, com novas restrições e impedimentos vários, a semana jazzística resume-se a meia dúzia de concertos, alguns deles em streaming. Os mais importantes estão localizados a norte, organizados pela Porta-Jazz, mas há também o concerto do Hot Club a considerar.


Assim, já hoje, e até quarta, em Fast/ Forward, a Porta-Jazz, em colaboração com a FEUP, lança cinco discos (já editados ou a editar pela Carimbo Porta-Jazz), em gravações ao vivo transmitidos na plataforma youtube da FEUP; sempre a partir das 21.00:
23 Novembro:
João Martins «Hundred Milliseconds»
(com Nuno Trocado, Fábio Almeida e Gabriel Neves)
Hugo Raro «Connecting the Dots»
(com João Mortágua, José Carlos Barbosa e Marcos Cavaleiro)
24 Novembro:
Nuno Campos «Tacatarinaten»
(com José Pedro Coelho, Miguel Meirinhos e Ricardo Coelho)
João Pedro Brandão «Trama no Navio»
(Ricardo Moreira, Hugo Carvalhais e Marcos Cavaleiro)
25 de Novembro:
André B. Silva «The Guit Kune Do»
(com Ap, Eurico Costa, Francisco Rua, Miguel Moreira, João Próspero e Diogo Silva.

(estes discos podem ser adquiridos directamente através da Porta-Jazz)


Sexta 27,
o destaque JazzLogical vai para a evocação de Alice Coltrane por Margarida Campelo (que estará acompanhada por João Hasselberg e João Pereira) em concerto ao vivo no Hot Club, com transmissão directa através do facebook do Hot.


Sexta 27, ainda,
no Auditório de Espinho, o concerto de Théo Ceccaldi e Roberto Negro, violino e percussão. 21.30.


Finalmente, na tenda da Porta-Jazz, no sábado 28, pelas 11.00,
tocam os «Cerberus» (Guilherme Costa, Pedro Jerónimo, Tiago Baptista, Nuno Campos e João Cardita).
Nota: a este concerto só podem assistir os residentes no concelho do Porto.


Apoia os músicos, compra discos, procura nas redes sociais virtuais que têm estado bastante activas, segue os teus músicos, faz donativos.

Os músicos têm vindo a fazer por ti com a sua música. É a tua hora de retribuir.

Apoia o Jazz, porque a vida sem Jazz não tem graça.


Não sejas trump, não sejas bolsonaro, não sejas idiota: protege-te, protege a tua família, protege os teus amigos. Cotoveladas, máscara, defende-te.
E no final desta guerra, vamos fazer uma grande farra.
Conta comigo.
  


Mais informação sobre concertos na Agenda Jazz.

 

Na passada sexta, 20 de Novembro, comemoraram-se 49 anos do 1.º Festival de Jazz de Cascais, onde tocaram Miles Davis, Ornette Coleman, Dexter Gordon, os Giants of Jazz (com Dizzy Gillespie e Thelonious Monk entre outros), Phil Woods, e inúmeros outros grandes músicos da História do Jazz.

Para comemorar a efeméride, JazzLogical começou a publicar alguns desenhos (pinturas em tinta da china sobre papel) de 2018 da artista Twotma. Esta semana o terceiro.

Twotma, 2018
Edições CD Nacionais 2020
Hugo Raro
Connecting the Dots

«Num tempo de dormência, de servidão voluntária, de alienação, de consumo rápido e superficial, propomos uma viagem entre memórias e o que há de vir, entre fantasias e realidade, entre a ilusão de passeios por florestas e castelos e o conforto do cheiro a terra molhada, entre a vontade continuada de nos superarmos e o saber apreciar e valorizar o que foi conseguido. Esperamos que a viagem possa ser de repouso, de contemplação, de descoberta, chegando a diferentes destinos e encontrando infinitas sensações.»

João Mortágua (sa)
Hugo Raro (p, comp)
José Carlos Barbosa (ctb)
Marcos Cavaleiro (bat)
Connecting the Dots

 

Outros CDs editados em 2020
RIP 2020
 
Cruzeiro Seixas 1920 - 2020

PRÉMIOS JAZZLOGICAL JAZZ DO ANO 2019

VOTANTES

Prémios Internacionais

CD do ano 2019 - Novidades

CD do ano 2019 - Históricos/ Reedições

Músico do ano 2019

Músico do ano 2019 Revelação

Acontecimento do ano 2019


VOTANTES

Prémios Nacionais

CD do ano 2019

Músico do ano 2019

Músico do ano 2019 Revelação

Acontecimento do ano 2019


Melhores concertos do ano 2019 – JazzLogical

(Votação: Leonel Santos)

Quotes

...This morning I was listening to Freddie Hubbard and right before you called, I was listening to Don Cherry with Ed Blackwell. So yeah, I’m always checking out the masters and while at the same time, allowing the spirit to come to me, through me so it can express myself and a bigger, sort of universal consciousness that is music.
...
...I think everybody’s always talking about jazz and shelf life…. is it dying? But you know, I remember talking to Herbie [Hancock] about it and he said man, people have been saying that since I was young.
...
...Not everything dies, some things just evolve and I think that’s what jazz does and has done and continues to do. Music is always doing that.
...

Ambrose Akinmusire (13th floor interview)

ANGRA JAZZ 2019

(Textos de Paulo Barbosa e Leonel Santos)

FESTIVAL DE JAZZ ROBALO 2019

JAZZ NO PARQUE 2019

FUNCHAL JAZZ 2019

VALADO JAZZ 2019

FESTA DO JAZZ 2019

EUROPEAN JAZZ CONFERENCE 2018

 

 

Conferência «As Mulheres e o Jazz», 7 de Dezembro 2018, ISCTE, Lisboa, Leonel Santos

Integrada na Conferência Internacional
«Mulheres, Mundos do Trabalho e Cidadania – Diferentes Olhares, Outras Perspetivas»,
ISCTE 6 e 7 de Dezembro 2018

 

As mulheres e o Jazz

 

 

O gato escarninho

 

 

O Jazz nos livros em Portugal

8. Jazz Moderno

                 
 

Pedidos para a newsletter Agenda Jazz:

jazzlogical@gmail.com