JazzLogical 20 de Outubro de 2021

Creiam-me (e não é uma questão de fé), o Jazz é para ser ouvido ao vivo. Por muito prazer que nos dê ouvir os velhos discos de Jazz, nada substitui assistir ao que podemos fruir de assistir a um concerto. Quando perguntei ao Bill Frisell em Angra do Heroísmo (depois do extraordinário concerto na última noite do Angra Jazz), como tinham corrido os recentes concertos de Espinho e Janeiro de Cima, ele limitou-se a sorrir e respondeu-me “You know, it’s never the same”.
Nenhum concerto substitui outro, quando estamos perante um improvisador do nível de Frisell, e nada substitui assistir ao momento da criação. Esta é uma verdade que apenas os amantes do Jazz sabem, e este prazer pode ocorrer num concerto, mas também numa simples jam session.

Muitas vezes, é certo, com o tempo, esquecemos o que de facto aconteceu em palco, ali mesmo, e a única memória que persiste é a da emoção. A adrenalina e as hormonas do prazer que dispararam e que se tornam um vício. E assim nos tornámos jazz-dependentes.

Pelo meu lado, a memória do extraordinário concerto de Bill Frisell perdurará, e só por ele eu já ganhei o ano, o annus horribilis que vivemos; mas eu tive mais: o concerto do João Pedro Brandão no Festival Porta-Jazz e o inesperado concerto do Diogo Alexandre Bock Ensemble na semana passada no Seixal Jazz.
E o ano ainda não acabou: ainda falta a segunda semana do Seixal Jazz, e falta o Guimarães Jazz. E outras surpresas poderão ainda acontecer. E para quem não tiver a minha sorte, há sempre as jam sessions do Hot Club que recomeçaram.

Vamos então ao que interessa.


O destaque da semana continua a ser o Seixal Jazz que comemora 25 anos e que hoje abra portas para a segunda semana, mas também o Outono em Jazz na Casa da Música.

Sobre o Seixal Jazz, onde ainda tocam o João Lencastre’s Communion 3 (hoje, quarta, 20), o Seamus Blake & Joe Sanders «Infinity» (qui, 21), o Melissa Aldana Quartet (sex 22) e o The Trio feat. Ted Nash, Ben Allison & Steve Cardenas (sáb 23), remeto-vos para o texto que a ele dediquei, AQUI.

Quanto ao Outono em Jazz que decorre esta semana, ele começou ontem (as minhas desculpas à LUME de Marco Barroso, e outro excelente concerto no Seixal Jazz na apresentação do novo Las Californias),
ainda hoje (qua 20) tocará o Pedro Melo Alves Omniae Large Ensemble;
o João Lencastre's Communion 3, sexta 22; e os TGB no sábado 23.


Outros concertos da semana são os Mancha (de que nada sei) no Hot Club, sexta, 22;

e ainda no Hot a música de Chick Corea pelo Francisco Gomes Trio no sábado 23;

o João Mortágua “Holi”, no Passos Manuel (Porto), sábado 23;

os Baby Jazz Reunion no Cantaloupe Café (Olhão), domingo 24;

e ainda no mesmo domingo 24 o Nelson Cascais a apresentar o CD “Rememberance” no Out Jazz na Tapada da Ajuda.


Na próxima semana começa o Caldas Nice Jazz e continua o Jazz AlémTejo.



Recordo ainda que na Agenda Jazz pode ser consultada toda a programação do Seixal Jazz (Outubro), do Guimarães Jazz (Novembro), do Caldas Nice Jazz (Out-Nov), de O Jazz tem voz (Outubro) e do Jazz AlémTejo (Outubro), além de outros concertos.

E ainda que a exposição "O Jazz na BD" está patente ao público até ao final de Dezembro e pode ser visitada no Hot Club nos dias dos concertos.


Outros concertos e mais informação na Agenda Jazz.




O Angra Jazz 2021 por Paulo Barbosa e Leonel Santos

 

"O Jazz na Banda Desenhada" nos media:

RTP (Portugal em Direto)

Público

Rimas e Batidas

Antena 2

Visão

SIC Notícias

A Forma do Jazz

Canela e Hortelã

Zero zero

Rádio Oxigénio

Central Comics

Stay Happening

MSN

Gerador

A Viagem dos Argonautas

Agenda Lx (CML)

 



 
Pee Wee Ellis
1941 - 2021
 
Dr. Lonnie Smith
1942 - 2021
 

Algumas páginas de JazzLogical encontram-se desactualizadas, como bem me vêm assinalando alguns dos meus assíduos leitores. Uma delas era, até agora, a página relativa às recensões discográficas, que se encontra já disponível.

 
 

Quotes

For me music has always been the most natural and the deepest way to share something with people

Thomas Morgan
 

 

Conferência «As Mulheres e o Jazz», 7 de Dezembro 2018, ISCTE, Lisboa, Leonel Santos

Integrada na Conferência Internacional
«Mulheres, Mundos do Trabalho e Cidadania – Diferentes Olhares, Outras Perspetivas»,
ISCTE 6 e 7 de Dezembro 2018

 

 

O gato escarninho

 

O Jazz nos livros em Portugal

8. Jazz Moderno

                 
 

Pedidos para a newsletter Agenda Jazz:

jazzlogical@gmail.com